Equipes mineiras no mesmo grupo da Libertadores: veja como estão os adversários de Atlético e América em 2022

Foto: Pedro Souza / Atlético

O início da tarde de 25 de março de 2022 ficou marcado por um importante sorteio realizado na sede da CONMEBOL. A partir deste evento, a Copa Libertadores da América possui os seus oito grupos definidos e todos já conhecem os seus adversários na fase inicial da competição continental.

Em Minas Gerais, o sorteio atraiu a atenção dos atleticanos e dos americanos. Pelo lado alvinegro, o Atlético entrou como cabeça de chave do torneio por estar bem no Ranking da CONMEBOL. Certamente, a participação na semifinal de 2021, o título do Brasileirão e da Copa do Brasil ajudaram bastante o Galo a ser o time mais forte do seu grupo.

Já o América está estreando nesta fase da Libertadores. Após duas batalhas na “pré”, o Coelho alcançou a fase de grupos e fez parte do pote 4 porque conseguiu a vaga devido à fase inicial.

Vale destacar que as seis partidas da fase de grupos da Libertadores serão realizadas na semana dos dias 06/04, 13/04, 27/04, 04/05, 18/05 e 25/05. Obviamente, o blog Bola Pra Frente irá acompanhar toda a participação dos mineiros na Libertadores.

Só que o sorteio reservou uma grande coincidência: os dois representantes de Minas Gerais estarão no mesmo grupo. Por isso, vale a pena conferir como estão os adversários de Atlético e América!

Fonte: Twitter da CONMEBOL

O grupo D da Libertadores

Logo no início do sorteio, o atual campeão de todos os títulos nacionais foi sorteado para o grupo D. A partir da segunda rodada, os adversários foram se definindo até o pote 4 trazer o América. Portanto, o grupo D da Copa Libertadores da América contará com Atlético, Indepediente Del Valle (EQU), Deportes Tolima (COL) e América.

Independiente Del Valle

Para que Minas Gerais consiga as duas vagas para as oitavas de final da Copa Libertadores da América, o grande adversário é o time equatoriano. Atual campeão do Equador, o Independiente Del Valle é a grande potência do país há alguns anos, mas despontou somente na última década. Por exemplo, o time estava na Série C do Equador 15 anos atrás e hoje é o grande representante do seu país.

Mesmo sendo campeão da liga nacional em 2021, assim como o Atlético, e vice-campeão da Libertadores de 2016, o Del Valle não vive um bom momento neste ano. A equipe fez cinco partidas até então: duas vitórias, um empate e duas derrotas, estando apenas na oitava posição do Campeonato Equatoriano. Até estrear na competição continental, o time fará somente um jogo contra o Gualaceo. Vale destacar que o clube equatoriano nunca enfrentou o Coelho, mas duelou com o Galo. Em duras partidas na fase de grupos de 2016, ano em que o Atlético parou nas quartas e o Del Valle foi finalista, a equipe mineira venceu por 1 a 0 em casa e os equatorianos venceram por 3 a 2 como mandante.

Deportes Tolima

Já o Deportes Tolima nunca enfrentou nenhum dos adversários do grupo D. A equipe colombiana tende a ser mais fraca que o Del Valle e Atlético e, principalmente, o América não podem perder pontos para o clube que ficou conhecida no Brasil por eliminar o Corinthians na pré-Libertadores de 2011. No entanto, o time não é tão modesto quanto alguns podem imaginar.

O Tolima foi campeão do Apertura de 2021, ou seja, há um ano ergueu a taça do Campeonato Colombiano. No fim de 2021, a equipe fez ótima campanha no Clausura, mas perdeu a final para o Deportivo Cali, não conseguindo unificar as duas taças nacionais. Mesmo assim, o Tolima foi a equipe que mais somou pontos em 2021 na Colômbia e vem forte para a Libertadores. Em 2022, a equipe fez 14 partidas: venceu oito jogos, empatou três vezes e foi derrotado somente em três oportunidades, estando assim na ótima terceira posição do Campeonato Colombiano.

Atlético x América

Os representantes de Minas Gerais na Copa Libertadores da América sabem que não terão vida fácil no grupo D. Os clubes foram sorteados para enfrentar o atual campeão equatoriano e o atual campeão do Apertura da Colômbia, ou seja, serão confrontos complicados.

Obviamente, pelo investimento e conquistas na última temporada, o Atlético é amplamente favorito à classificação, mas não pode perder muitos pontos. Já o América terá que suar bastante para conseguir uma ainda mais histórica vaga no mata-mata da Libertadores.

A grande vantagem para os times é que eles farão quatro partidas em Belo Horizonte na fase inicial: três como mandante e uma visitando o rival. A tendência é que Galo e Coelho se enfrentem com mando atleticano na semana de 13 de abril, enquanto o jogo com mando americano deve acontecer na semana de 04 de maio. As datas e os horários ainda serão confirmados.

Além de ter um time mais qualificado, o Atlético tem um fator que o anima na fase de grupos: o retrospecto contra o rival. Em 416 jogos, o Galo venceu o América em 208 oportunidades – exatamente 50% das ocasiões -, houve empate em 104 partidas – exatamente 25% dos jogos – e o Coelho bateu o rival em outros 104 clássicos – os outros 25% dos confrontos. Em um recorte recente, o Atlético não perde para o rival há seis anos, somando assim 19 clássicos de invencibilidade, e venceu seis dos últimos oito jogos.

O domínio atleticano terá continuidade ou os confrontos internacionais, pela primeira vez na história de Minas, irão alterar o cenário dos clássicos?

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Teobaldo

Pobre Coelhinho Pompom…