Para concluir o 1º turno e abrir vantagem, o Atlético enfrenta o desesperado Grêmio com o Mineirão cheio

Ao lado de Arana, Réver deve ser titular na vaga do suspenso Nathan Silva. Foto: Bruno Sousa / Atlético

A informação da manchete não está errada. A partida desta noite concluirá o primeiro turno atleticano. Após não enfrentar o time gaúcho em 05 de setembro devido à pausa para a Data FIFA, o Atlético receberá o Grêmio, em um confronto do 1º turno, mas que pode definir questões desta reta final do Brasileirão.

Com o tropeço do Flamengo, o Galo pode abrir vantagem na liderança do Campeonato Brasileiro, visto que possui um jogo a menos que o vice-líder Palmeiras e pode se distanciar do time rubro-negro. Por outro lado, o jogo também é decisivo, porque o Tricolor Gaúcho pode se afundar ainda mais na zona do rebaixamento do torneio nacional. E a partida que vale pontos importantíssimos para ambos os lados contará com, provavelmente, o melhor público do futebol brasileiro em 2021.

Nesta quarta-feira, 03 de novembro, Atlético e Grêmio se enfrentam às 21:00, em jogo válido pela 19ª rodada do Brasileirão de 2021. Porém, é importante registrar que esta partida acontecerá entre a 29ª e a 30ª rodada, já que foi adiada anteriormente.

Outro ponto interessante da partida é que o jogo que terá transmissão do SporTV (menos MG) e Premiere tende a contar com mais de 50 mil pessoas. O Mineirão, palco deste clássico do futebol brasileiro, estará quase cheio pela primeira vez, visto que a Prefeitura de BH liberou a capacidade total do estádio nesta semana. Com isso, o Atlético já havia vendido 45 mil ingressos até terça-feira e a tendência é de recorde de público no Brasil neste ano.

A importância da partida

Um jogo atrasado possibilita ao clube envolvido ganhar três pontos quando os seus concorrentes já jogaram aquela rodada. Porém, não é certo que a vitória será conquistada. O melhor exemplo é bem recente: o Flamengo venceu o Galo no último final de semana e poderia ficar apenas quatro pontos atrás caso triunfasse nas partidas adiadas, porém empatou com o Athletico-PR nesta terça, 02 de novembro, e ganhou apenas um ponto dos três que sonhava.

Logo, o jogo entre Atlético e Grêmio ganha ares ainda mais tensos, pois ambos precisam vencer. O Galo quer se distanciar na liderança do Brasileirão e aproveitar o deslize do rival Flamengo, enquanto o Grêmio urge por uma recuperação, porque está afundado na zona do rebaixamento do Brasileirão.

Com 59 pontos, o time mineiro pode chegar aos 62 e abrir 10 pontos para o Palmeiras, estando com o mesmo número de jogos que o vice-líder. Já para o Flamengo – time que tem o segundo melhor aproveitamento do torneio, atrás apenas do Atlético -, o Galo pode abrir uma vantagem de 12 pontos. O time carioca ainda terá dois jogos a menos em relação ao rival alvinegro, mas aumentar a distância é muito importante para a equipe de Cuca

Já o Grêmio também encara este jogo como uma final, visto que é o 19º colocado e está com 26 pontos, sete atrás do 16º, o Bahia, primeira equipe fora da zona do rebaixamento. Como o Tricolor Gaúcho tem duas partidas a menos, vencer o Atlético pode aproximar o clube da saída do Z-4, mas uma derrota pode deixar a situação complicada, visto que irá repor uma partida atrasada e não irá somar pontos. Por isso, a partida fora de casa, contra o líder, é crucial para a sobrevivência do Grêmio.

Os números e o momento

Obviamente, o momento e os números do líder são melhores em comparação às estatísticas do “vice-lanterna”. No entanto, ambos os times chegam neste confronto após perder na última rodada.

O Atlético foi ao Maracanã enfrentar o seu grande concorrente Flamengo e perdeu pro 1 a 0. O gol de Michael deixou o Fla mais vivo na corrida pelo título e foi o único lance mais animado de um jogo muito ruim, o qual contou com muitas faltas, cera e reclamações, mas quase nada de futebol. Já o Grêmio perdeu por 3 a 1 para o Palmeiras em casa, em jogo marcado pela invasão dos torcedores no fim.

Mesmo assim, o momento atleticano é bem melhor. O Galo venceu cinco das últimas sete partidas, enquanto o Tricolor Gaúcho perdeu quatro dos últimos cinco jogos, um número preocupante.

Outro dado que anima os torcedores alvinegros é que o Atlético é um excelente mandante: são 11 vitórias, um empate e uma derrota em 13 jogos no Mineirão no Campeonato Brasileiro, ostentando ainda uma série de 10 vitórias consecutivas. Como visitante, o Grêmio fez 12 partidas e não empatou: foram três vitórias e nove derrotas, somando apenas nove pontos e balançando as redes do adversário apenas oito vezes em 12 jogos – pior ataque fora de casa do Brasileirão.

Os números recentes e o momento animam o torcedor atleticano, mas o gremista pode se apegar ao retrospecto do duelo. Em 76 duelos, o Grêmio venceu 33 vezes, houve 21 empates e o Atlético venceu apenas em 22 oportunidades. Antes da temporada passada, quando o Galo venceu uma vez e houve um empate no RS, o Tricolor Gaúcho tinha vencido quatro duelos consecutivos, mostrando o seu domínio histórico. Em um recorte maior (2014-2021), o Grêmio venceu 10 de 16 partidas, além de empatar quatro vezes, ou seja, o time pode se motivar através da história.

As escalações

Para a importante partida deste meio de semana, Cuca terá dois desfalques: o suspenso Nathan Silva e Keno, ponta que sentiu dores e não treinou normalmente nesta semana. Logo, Réver deve ser o companheiro de Junior Alonso na defesa e a dúvida fica para o setor ofensivo. Diego Costa pode começar como titular, mas, caso não tenha condições físicas ideais para iniciar a partida, Savarino e Vargas são boas opções que Cuca tem à disposição. Uma outra mudança no time deve ser o retorno de Mariano à ala-direita, deixando Guga como opção.

Provável escalação: Everson; Mariano, Réver, Alonso e Arana; Allan, Jair, Nacho Fernández e Zaracho; Hulk e Diego Costa (Savarino ou Vargas). Técnico: Cuca.

Assim como o Galo, o Grêmio também tem duas baixas em relação à última partida: Kannemann e Jean Pyerre estão suspensos e devem ser substituídos pelo promissor zagueiro Ruan e por Lucas Silva, volante que deve tornar o Tricolor Gaúcho um pouco mais defensivo. O técnico Vagner Mancini ainda fará outras mudanças no time, tentando encontrar a sua escalação ideal: Rafinha e Borja voltam de suspensão e devem ser titulares, assim como Ferreira, atleta que estava sendo reserva de Alisson e tende a ser titular, junto do badalado Douglas Costa.

Provável escalação: Brenno; Rafinha (Wanderson), Pedro Geromel, Ruan e Bruno Cortez (Rafinha); Thiago Santos, Lucas Silva e Villasanti; Douglas Costa, Borja e Ferreira. Técnico: Vagner Mancini.

Atlético x Grêmio

19ª rodada do Brasileirão Série A de 2021
03/11/2021, 21:00 horas, Mineirão
Transmissão: SporTV (menos MG) e Premiere
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP)
Assistentes: Alex Ang Ribeiro (SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP).

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments