Sabendo que todos os jogos são decisões, Atlético enfrenta o Cuiabá no Mineirão com o objetivo de seguir se despontando

Foto: Pedro Souza / Atlético

Há algumas rodadas, as redes sociais do Atlético usam a hashtag “Todo jogo é decisão” e mostra que o time está entendendo que um campeonato de pontos corridos é realmente formado por 38 finais. Todos os jogos possuem o mesmo valor, mesmo sendo contra o Cuiabá ou Flamengo, ou seja, os jogadores atleticanos devem estar concentrados durante todas as 38 rodadas. Já foram disputados 26 jogos e o time está na ponta. O objetivo atleticano é seguir se despontando no Brasileirão para que o título se aproxime da Cidade do Galo.

E a rodada está com um cenário ainda maior de decisão devido ao tropeço do Flamengo, o maior adversário atleticano na corrida ao título. Até por causa disso, o Fortaleza assumiu a vice-liderança e o Atlético deseja continuar com uma vantagem considerável para os adversários. No entanto, a batalha deste domingo é complicada, visto que o time mineiro recebe um dos visitantes mais indigestos e o terceiro clube que menos perdeu no Campeonato Brasileiro.

Nesta tarde de domingo, 24 de outubro, precisamente às 16 horas, no horário nobre da televisão brasileira, o Atlético enfrenta o Cuiabá no Mineirão. O jogo válido pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro terá transmissão da TV Globo (MG e MT) e do Premiere.

A decisão

O clima de decisão tomará conta do Mineirão nesta tarde por causa da classificação do Brasileirão, mas também pela presença massiva da torcida atleticana nas arquibancadas. A tendência é que o Galo alcance o recorde nesta retomada do público aos estádios, já que vendeu mais de 30 mil ingressos. A massa atleticana está empolgada e fazendo a sua parte. Cabe aos jogadores “apenas” seguir na ponta do Campeonato Brasileiro até a 38ª rodada, visto que este é o grande objetivo da temporada.

O Brasileirão é a obsessão alvinegra por causa de um simples fato: uma enorme geração de torcedores nunca viram o time ser campeão. Com um único título em 1971, o clube está prestes a completar 50 anos sem a conquista do torneio mais importante nacionalmente. Por isso, o Atlético está concentrado desde o início da competição, protagoniza uma campanha quase impecável e está próximo do título. No entanto, para confirmar o atual favoritismo, o time deve seguir vencendo.

E a importância de ganhar os três pontos nesta tarde aumentou após a derrota do Flamengo. O time carioca é o grande adversário atleticano na corrida pelo título e acabou perdendo para o rival Fluminense. Sendo assim, a equipe mineira pode abrir 13 pontos de vantagem para o Fla. É claro que o rubro-negro possui dois jogos a menos, mas a irregularidade flamenguista e o confronto direto do próximo sábado, 30, animam os atleticanos que já imaginam um campeonato encaminhado no fim de semana seguinte. Para isso, o time tem que vencer e entender que todos os jogos são decisões.

A grande curiosidade da tabela atualmente é que o Flamengo segue como o segundo time com melhor aproveitamento, visto que possui dois jogos a menos, mas o Fortaleza assumiu a vice-liderança. Com a vitória sobre o Athletico-PR em casa, o Leão chegou aos 48 pontos e está oito pontos atrás do Galo, mas com dois jogos a mais.

Os números e o momento

Além de entender a importância de triunfar frente ao Cuiabá, o Atlético chega nesta tarde com muita moral depois de golear o Fortaleza na sua última partida. O time venceu o Leão por 4 a 0 na última quarta-feira, 20, pela Copa do Brasil e protagonizou uma das grandes atuações da temporada. Assim como os donos da casa, o Cuiabá está com moral, já que saiu do Mato Grosso para enfrentar “somente” Atlético e Flamengo e arrancou um ponto no Maracanã, ou seja, está confiante que pode “roubar” um ponto do Galo também.

Como dito anteriormente, o time mineiro quer os três pontos para seguir despontando na liderança do Brasileirão. Dono da primeira posição há 13 rodadas, o Atlético conquistou 56 pontos e possui uma vantagem de oito tentos para o Fortaleza e dez para o Flamengo. A margem poderia ser maior, mas a última partida pelo Campeonato Brasileiro foi um tropeço: após 18 jogos invictos, o Galo voltou a ser derrotado no torneio e perdeu para o Atlético-GO no último domingo. Logo, o intuito alvinegro é não ser surpreendido novamente e somar três pontos nesta 28ª rodada.

Já o Cuiabá está na 10ª posição, com 35 pontos, e foi ultrapassado pelo rival atleticano: o América venceu o Santos longe de BH e assumiu o nono lugar. Portanto, se conseguir arrancar, pelo menos, um ponto no Mineirão, a equipe mato-grossense retoma a importante nona colocação, a qual pode garantir vaga para a Libertadores – depende ainda de quais clubes serão campeões sul-americanos e da Copa do Brasil. Além de se preocupar com a tabela, o Dourado deve prestar atenção no seu ataque: marcou em apenas dois dos últimos seis jogos. Em contrapartida, o Cuiabá tem um uma defesa sólida e não sofre gols há três partidas, ou seja, a tendência é que o Atlético tenha dificuldades.

Enquanto a importância desta partida é enorme para ambos os clubes e para o torneio, o retrospecto é bem curto. Atlético e Cuiabá se enfrentaram apenas uma vez na história: o jogo do primeiro turno, onde Nacho Fernández marcou após arrancada de Hulk e o Galo bateu o adversário por 1 a 0. Logo, os clubes duelarão pela primeira vez em MG.

O mandante contra o visitante

Para finalizar a parte estatística do duelo entre Atlético e Cuiabá, é necessário pontuar a grande questão da partida: o excelente mandante recebe o ótimo visitante, ou seja, ambos estão confiantes que podem sair felizes nesta tarde.

O Atlético é o melhor mandante do Brasileirão de forma isolada. O clube conquistou 31 dos 36 pontos possíveis dentro do Mineirão nesta edição e ostenta o retrospecto de dez vitórias, um empate e uma derrota no torneio. Além disso, o Galo venceu as últimas nove partidas em casa e persegue o seu recorde de 12 triunfos seguidos no Brasileirão, o qual foi conquistado pelo time de 2016. Indo além do torneio nacional, ou seja, somando todas as competições, o Atlético não perde como mandante há 18 jogos: são 15 vitórias e três empates.

Já o Cuiabá é o time que menos perdeu longe de casa no Brasileirão. Com um elenco cascudo, o time mato-grossense venceu só três jogos como visitante, mas arrancou nove empates longe da capital Cuiabá e perdeu apenas para o Fluminense, ainda na segunda rodada do Brasileirão. Logo, o clube está invicto há 12 partidas fora de casa no Campeonato Brasileiro e tem o objetivo de não deixar o mandante vencer novamente.

Por isso, a partida tende a ser muito complicada.

As escalações

Com o retorno de Nathan Silva, zagueiro que não pode jogar a Copa do Brasil, o técnico Cuca contará com o time quase completo: o único desfalque é o ainda lesionado Mariano, visto que Hulk está com um problema na mão, mas deve atuar e Diego Costa tende a ficar no banco de reservas. Logo, o Atlético tende a entrar com força máxima, ainda mais levando em conta que conseguiu dar um passo importante na Copa do Brasil e pode ter um jogo mais tranquilo no meio de semana frente ao Fortaleza. Mesmo assim, os atleticanos estarão tensos neste domingo devido ao fato de que Cuca, Eduardo Sasha, Hulk, Junior Alonso, Nacho Fernández e Nathan Silva estão pendurados e um simples cartão amarelo pode tirar esses jogadores do grande jogo contra o Flamengo.

Provável escalação: Everson; Guga, Nathan Silva, Junior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Jair, Nacho Fernández e Zaracho; Hulk e Keno. Técnico: Cuca.

Já o Cuiabá, treinado por Jorginho, não terá problemas na escalação. Na última partida, João Lucas e Max ficaram fora porque são atletas emprestados pelo Flamengo e não atuaram por questões contratuais, mas retornam nesta tarde para reforçar o Dourado. A equipe não contará com o suspenso Marllon e Lucas Hernández, atleta que pertence ao Atlético, porém fez apenas cinco partidas neste Campeonato Brasileiro.

Provável escalação: Walter; João Lucas, Paulão, Alan Empereur e Uendel; Auremir, Camilo e Pepê; Clayson, Max e Jenison. Técnico: Jorginho.

Atlético x Cuiabá

28ª rodada do Brasileirão Série A de 2021
24/10/2021, 16:00 horas, Mineirão
Transmissão: Globo (MG e MT) e Premiere
Árbitro: Sávio Pereira Sampaio (DF)
Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e José Reinaldo Nascimento Júnior (DF).

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments