Com mudança no time titular, Cruzeiro enfrenta o Brasil de Pelotas em meio à pressão pela vitória e ao frio do RS

Marcinho está sendo o destaque da equipe nas últimas partidas. Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

É certo que o frio foi o assunto da semana no Brasil. Algumas cidades de Minas Gerais contaram com temperaturas baixíssimas nesta semana. Além do frio, outro ponto – negativo – da semana foi o desempenho do Cruzeiro. O time mineiro empatou, em casa, com o Guarani e está muito pressionado a vencer em Pelotas nesta noite de sábado. A questão é que se o frio em Minas está pesado, a previsão de 9º graus para a cidade do Rio Grande do Sul não será algo favorável ao desempenho cruzeirense e, principalmente, para o jogo entre duas equipes que estão na parte debaixo da tabela.

Neste sábado, 03, às 19 horas, o Cruzeiro enfrenta o Brasil de Pelotas no estádio Bento Freitas, em Pelotas-RS. O jogo desta fria noite de inverno será válido pela 9ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro 2021. O duelo contará com transmissão exclusiva do Premiere.

Os números e o momento

Quem vencer, se distancia da zona do rebaixamento e deixa o adversário para trás. Quem perder, pode ficar afundado no Z-4. Em caso de empate, os times correm o risco de “morrer abraçados”. Esta é a situação do “confronto direto” desta noite.

Após conquistar quatro pontos nos últimos 12 disputados, o Cruzeiro chega bastante pressionado nesta partida. No fim de semana, o time perdeu para o CSA e, na última quarta-feira, a Raposa empatou por 3 a 3 com o Guarani, em jogo marcado pelas falhas defensivas. Com oito pontos em oito jogos, o time mineiro está bem mais próximo do 20º do que do G-4, objetivo do time na temporada, e este fato preocupa o apaixonado torcedor cruzeirense. Uma vitória tiraria a equipe da 14ª posição e poderia colocar o Cruzeiro na 1ª parte da tabela, porém uma derrota em Pelotas pode fazer com que o time azul celeste retorne à zona do rebaixamento. Haja pressão e frio nesta noite!

Já o Brasil de Pelotas vive uma situação tão preocupante quanto o momento do Cruzeiro – mesmo que as pretensões e as responsabilidades do time gaúcho nesta Série B sejam diferentes. O Xavante está em 19º com apenas seis pontos conquistados e precisa, urgentemente, engatar uma sequência de vitórias: o time triunfou apenas uma vez no torneio, frente ao Goiás, em Pelotas, e perdeu para o Brusque, em SC, por 1 a 0, no meio de semana. Se conquistar os três pontos, o Brasil tende a deixar a indesejada zona do rebaixamento.

Um fato que o Grêmio Esportivo, mais conhecido como Brasil de Pelotas, pode se apegar é que venceu o Cruzeiro em RS no último ano: 1 a 0 no estádio Bento de Freitas. No entanto, mesmo com o triunfo do 1º turno, a goleada aplicada pela Raposa no Mineirão – 4 a 1 com direito a golaço de Rafael Sobis – foi ainda mais marcante. Em resumo, os times se enfrentaram em cinco oportunidades, onde o Cruzeiro venceu três vezes e o Brasil bateu o rival em duas partidas, ou seja, não houve empate neste duelo.

As mudanças no time titular

Após empatar em casa com o Guarani, o técnico Mozart não hesitou e promoveu mudanças na lista de relacionados para partida. Portanto, indiretamente, o treinador confirmou que o time titular contará com mudanças. Na última partida, o Cruzeiro entrou em campo com Fábio; Norberto, Léo Santos, Paulo e Matheus Pereira; Matheus Barbosa, Adriano e Marcinho; Bruno José, Rafael Sobis e Felipe Augusto. Porém, um destes jogadores sequer viajou para o Rio Grande do Sul.

De forma surpreendente e sem deixar claro qual foi a razão, Mozart não relacionou o jovem Matheus Pereira. Além do ala-esquerda, Guilherme Bissoli estava sendo nome certo no 2º tempo das últimas partidas, mas também ficou em Belo Horizonte. Ariel Cabral e Weverton que ficaram no banco na última partida não irão ser suplentes em Pelotas. Marcelo Moreno ainda não está à disposição do treinador e sequer foi relacionado. Nomes como Joseph, Matheus Neris e Marco Antônio seguem fora da delegação cruzeirense. Os reforços Wellington Nem e Rhodolfo continuam se condicionando fisicamente e estão fora.

Na vaga de Matheus Pereira, Jean Victor pode fazer a sua estreia com a camisa cruzeirense. Porém, é importante destacar que Mozart estava atuando com três zagueiros, mas, devido à suspensão de Ramon, optou por uma linha de quatro defensores na última partida – obviamente não deu certo. Portanto, o treinador pode retornar a usar a linha de três, mesmo que, na lista de relacionados, o Cruzeiro conte apenas com três zagueiros de origem: Léo Santos, Paulo e Ramon.

A lista de relacionados da Raposa. Fonte: Twitter do Cruzeiro.

As escalações

Além de todas estas questões da lista de relacionados do Cruzeiro, uma outra baixa importante é Raúl Cáceres, visto que o lateral segue com inflamação no ouvido. O lateral-direito deve seguir sendo substituído por Norberto. Já o restante da escalação irá depender, obviamente, das escolhas de Mozart. O técnico optará pela formação com três defensores ou não, mas existem outras dúvidas: Giovanni Piccolomo e Rômulo podem voltar ao time titular na vaga de Adriano e/ou Matheus Barbosa, mesmo que este último é o artilheiro do Cruzeiro na temporada com sete gols e é complicado deixar o jogador no banco. No ataque, Bruno José buscará colocar em prática a “lei do ex”, visto que disputou a última Série B pelo time gaúcho.

Provável escalação: Fábio; Ramon, Léo Santos, Paulo (Jean Victor); Norberto, Matheus Barbosa, Adriano (Giovanni ou Rômulo), Felipe Augusto; Marcinho; Bruno José, Rafael Sobis. Técnico: Mozart.

Assim como o Cruzeiro, o Brasil de Pelotas deve contar com mudanças em relação à última partida. A tendência é que o técnico Cláudio Tencati promova três modificações: Pierini, Wesley e Welinton devem deixar a equipe para a entrada de Gabriel Terra, Rômulo e Ramon. Além dos lesionados Jarro e Vidal, Tencati não poderá contar com Arthur e Welinton – citado anteriormente -, já que estes jogadores pertencem ao Cruzeiro e estão cedidos ao time gaúcho. O lateral-esquerdo do Brasil, Kevin, é cria do rival da Raposa, o Atlético, e está emprestado pelo clube alvinegro.

Provável escalação: Matheus Nogueira; Thalys, Ícaro, Heverton, Kevin; Rômulo, Bruno Matias, Gabriel Terra, Lucas Santos; Fabrício, Ramon. Técnico: Cláudio Tencati.

Brasil de Pelotas x Cruzeiro

9ª rodada do Brasileirão Série B de 2021
03/07/2021, 19:00 horas, Estádio Bento Freitas
Transmissão: Premiere
Árbitro: Rafael Carlos Salgueiro Lima (AL)
Assistentes: Ruan Luiz de Barros Silva (AL) e Wagner José da Silva (AL).

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
romulo

Ihhh, o trio de arbitragem é de alagoas; se tem alagoano em campo, é derrota na certa do micróbio azul!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk