Curtas | Galo bicampeão, a venda de Terans, a polêmica saída de Léo, mais uma promessa deixando a Raposa e muito mais. Resumo semanal de Atlético e Cruzeiro

Os atleticanos que conquistaram a 46ª taça e o bicampeonato consecutivo do Mineiro. Foto: Pedro Souza/Atlético.

O blog Bola Pra Frente traz um resumo semanal das notícias dos gigantes mineiros, com informações rápidas, pontuais e que deixam o torcedor atualizado sobre Atlético e Cruzeiro.

Atlético

Bicampeão do Mineiro

O Clube Atlético Mineiro é o dono de Minas Gerais pela 46ª vez na história e pela segunda vez consecutiva. O bicampeão do estadual ostenta estes feitos após empatar novamente sem gols com o América neste sábado, 22, no Mineirão. A final do Mineiro não teve gols e, por isso, o Atlético foi campeão, já que fez a melhor campanha na fase inicial – 27 dos 33 pontos disputados foram conquistados – e contou com o direito de jogar por dois empates. Sendo assim, o Galo ergueu a taça de campeão estadual novamente, é bicampeão de Minas Gerais e deu continuidade à sua hegemonia dentro do estado. Parabéns aos atleticanos!

Muita raça para vencer

Antes de erguer a taça do estadual, o Atlético teve um importantíssimo confronto no Paraguai pela Copa Libertadores da América. Pensando na final de sábado, Cuca colocou em campo um time misto e venceu mesmo assim. No estádio La Nueva Olla, em Assunção, na última quarta, 19 o Galo sofreu, mas com muita raça, marcou um gol nos acréscimos com Keno e venceu o Cerro Porteño por 1 a 0. Com este resultado, o Atlético garantiu a liderança do grupo H e assumiu a 1ª posição geral da competição continental.

A situação de Diego Tardelli

Faltam apenas oito dias para o contrato de um dos maiores artilheiros da história do Atlético encerrar e nada foi decidido. Diego Tardelli Martins, ídolo da massa atleticana, tem vínculo até o dia 31 deste mês de maio e existem algumas questões postergando uma renovação. A primeira é que Diego Tardelli está sofrendo com alguns problemas físicos nas últimas temporadas e, infelizmente, não consegue ter continuidade. O segundo ponto é que, dificilmente, o camisa 9 será titular de um Atlético que conta com tantos bons nomes ofensivos: a concorrência é brutal para o atleta de 36 anos. Por isso, a renovação contratual de Tardelli com o Atlético ainda não foi decidida, mas deve ser um dos assuntos da semana nos bastidores do Galo.

Reforços?

Além de resolver a situação de Diego Tardelli, a próxima semana atleticana deve ser muito importante para a sequência da temporada. O time fechará a sua ótima participação na fase de grupos da Libertadores na terça-feira, 25, estreará no Brasileirão no domingo, 30, e terá algumas reuniões sobre possíveis reforços. Na coletiva pós-título, Cuca afirmou que, durante esta semana, ele e o diretor de futebol, Rodrigo Caetano, irão se encontrar para analisar o elenco e definir a existência ou não de lacunas no plantel, ainda mais que, nas próximas semanas, os jogadores selecionáveis irão ser convocados e o elenco do Galo será ainda mais testado. Estas reuniões entre Cuca e Caetano podem proporcionar bons nomes para o futuro esportivo atleticano.

Bruninho de Série A

A base atleticana é sempre bem contestada pela sua própria torcida, porém, neste início de ano, uma cria da Cidade do Galo fez sucesso na Copa do Nordeste. Com nove gols em 15 jogos pelo Confiança-SE, o meio-campista Bruninho fez parte da “seleção” da tradicional competição regional. Após as boas atuações pelo time sergipano, o qual jogará a Série B, o Juventude ficou interessado em contar com Bruno Roberto. Sendo assim, o Atlético solicitou o retorno do Confiança – o jogador já até se despediu – e Bruninho será emprestado ao Juventude até o fim do ano. A grande diferença é que o atleta de 21 anos jogará na Série A e poderá evoluir ainda mais.

A venda de Terans

O Atlético vive um grave problema financeiro e isso não é novidade para ninguém. Outra notícia antiga é que o time alvinegro terá que fazer algumas vendas durante esta temporada. Porém, enquanto algumas vendas são especuladas, como a de Savarino, o Galo negociou um ativo que jogou pelo time mineiro pela última vez em 2019.

David Terans foi um dos destaques e o artilheiro do Peñarol-URU, onde estava emprestado, mas, após solicitação do Atlético, a equipe uruguaia anunciou o fim da passagem do atacante pelo clube. O Galo pediu para que Terans retornasse já que o jogador foi negociado com o Athletico-PR. O time paranaense fez uma proposta de 7,5 milhões por 80% do jogador, segundo o Superesportes, e o David Terans foi anunciado como novo jogador do Furacão na noite deste sábado, 22.

Caso Adilson

A equipe atleticana tem diversas pendências com ex-jogadores, agentes e clubes. Sabendo disso, a diretoria atleticana está tentando sanar algumas dívidas e organizar a preocupante saúde financeira do Galo. E um passo importante foi anunciado pelas redes sociais do time na noite de sexta-feira, 21. Por meio de um discurso de Sérgio Coelho, o Atlético divulgou um acerto com o volante Adilson, atleta que chegou no Galo em 2017 e teve que se aposentar após descobrir um problema no coração em 2019.

Reivindicando seus direitos, Adilson entrou com um processo pedindo 11,6 milhões em relação a salários, multas e danos morais. Em abril deste ano, a Justiça decretou que o Atlético deveria pagar 4,1 milhões. Desta maneira, a diretoria atleticana se reuniu com o jogador, conseguiu 50% de desconto e parcelará o provável valor de pouco mais de 2 milhões em 36 parcelas. Aparentemente, como é possível ver na postagem da rede social atleticana, o acordo foi positivo para o Atlético e para Adilson.

Time vacinado

A vacinação é um dos assuntos mais comentados e o item mais necessário para o mundo atual. A vacina contra a COVID-19 é a salvação contra esta pandemia que já levou quase 450 mil pessoas (praticamente 10 vezes a capacidade da Arena MRV) e o Atlético foi vacinado nesta semana. Na última quarta-feira, 19, após o jogo frente ao Cerro Porteño, o time alvinegro foi vacinado no Paraguai com imunizantes bancados pela Conmebol. Toda a delegação atleticana que viajou para o país vizinho foi imunizada pela vacina desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac, o qual doou 50 mil doses à Conmebol para imunizar os atletas das suas competições.

Cruzeiro

Jogos-treino

Sem entrar em campo desde o dia 09 de maio, já que foi eliminado do Mineiro e a Copa do Brasil só retorna em junho, o Cruzeiro promoveu dois jogos-treino neste sábado, 22, na Toca da Raposa, para preparar os seus atletas para a Série B que começa no próximo dia 29. Na manhã de sábado, a Raposa, com o time titular, empatou com o Boavista-RJ por 1 a 1. Rafael Sobis, após cruzamento de Rômulo, fez o gol da partida. Já na parte da tarde, o Cruzeiro, com uma escalação reserva, enfrentou o Boa Esporte-MG e venceu por 2 a 0, graças a dois gols de Stênio, cria da base cruzeirense.

Duas contratações anunciadas

O Cruzeiro confirmou nesta semana dois atletas com passagens recentes pelo América. Primeiramente, Joseph foi confirmado por empréstimo até o fim de 2021 juntamente ao Capivariano-SP. No início da temporada, o atleta de 26 anos estava no América e, curiosamente, marcou um gol contra o Cruzeiro no clássico. Joseph foi anunciado como lateral-direito, mas é volante de origem e atuou como titular no jogo-treino como zagueiro. A outra contratação foi o volante Flávio. O jogador de 20 anos do América chegou também por empréstimo até o fim da temporada e disputará uma vaga no meio-campo da Raposa. Em contrapartida, o América anunciou a chegada de Alan Ruschel por empréstimo, ou seja, os rivais de BH fizeram uma troca e os jogadores assinaram contrato até o fim deste ano.

Reforçaram?

Com as duas contratações anunciadas, o Cruzeiro completou uma formação completa de jogadores contratados: 11 jogadores chegaram em 2021. O time mineiro fez várias contratações, porém alguns profissionais ainda não entregaram o futebol esperado pela Raposa. E, a partir da análise destes atletas que chegaram neste ano e ao trazer o significado da palavra reforço – tornar mais forte, mais sólido -, o Blog pergunta: as contratações cruzeirenses reforçaram, ou seja, deixaram o Cruzeiro realmente mais forte? Confira!

Próximo jogador a vestir a camisa azul celeste

Ainda no mercado, o Cruzeiro busca novos “reforços” para o time. Nesta semana, a equipe mineira deve confirmar a chegada de Klebinho, lateral de 22 anos que é cria da base do Flamengo. O time carioca irá emprestar o jogador até o fim do ano ao Cruzeiro e Klebinho chega para ocupar uma lacuna do elenco cruzeirense. Lateral-direito de origem, Klebinho será uma opção em caso de ausência do titular Raúl Cáceres. Segundo o Ge.com, o Flamengo manterá 20% do passe do atleta caso ele permaneça no Cruzeiro em 2022, visto que Klebinho tem contrato com o time carioca até o fim deste ano, mesmo período do empréstimo para o Cruzeiro.

Dois jovens de saída

O Cruzeiro não contará com dois jovens jogadores do elenco, mas estes atletas sequer foram utilizados por Felipe Conceição. Primeiramente, o clube comunicou que, em comum acordo, o atacante Gui Mendes rescindiu o seu contrato. O jovem de 20 anos chegou em 2020 como uma possível promessa, mas atuou pouco no time sub-20 e sequer figurou no time profissional. Como Gui Mendes estava emprestado pelo Ituano, o atleta retornará para a sua casa. A outra saída de um jovem atleta é para a Ponte Preta. Segundo o GE.com, o lateral de 23 anos, Rafael Santos, que estava emprestado pelo Cruzeiro no Inter de Limeira – ele fez um bom Paulistão -, será cedido à Ponte Preta, equipe que está na Série B, assim como a Raposa. Rafael ficará no time campineiro até o fim deste ano.

Mais uma joia distante

Marco Antônio é um dos nomes mais pedidos pela torcida nas redes sociais. Porém, o armador de 20 anos não teve grandes chances nos últimos anos e deve deixar o Cruzeiro. Cria da base da Raposa e com grande destaque nas categorias inferiores, Marco Antônio foi comunicado pela diretoria cruzeirense que deve buscar um novo clube para ser emprestado. A intenção cruzeirense é dar experiência ao jovem atleta, porém, em meio a uma temporada tão importante e com um elenco ainda modesto, a torcida gostaria de ver Marco Antônio em campo. O armador foi surpreendido pela liberação do Cruzeiro e ainda não conta com propostas de outros times. Marco Antônio jogou apenas alguns minutos contra o Pouso Alegre nesta temporada e sequer foi testado da forma correta por Felipe Conceição.

O fim polêmico de uma era

13 de agosto de 2010. Quase 11 anos atrás, Leonardo Renan Simões de Lacerda assinava com seu time de coração, a equipe azul celeste da sua cidade natal, Belo Horizonte, e deixava o Palmeiras. A partir daquele momento, o zagueiro Léo e o Cruzeiro escreveram lindas histórias: tetracampeão do Mineiro, bicampeão da Copa do Brasil e do Brasileirão. Em mais de 400 jogos com a camisa da Raposa, Léo nunca deixou faltar raça e é um dos grandes nomes do século XXI cruzeirense.

Porém, o fim da era de Léo no Cruzeiro terminou de forma polêmica. O Cruzeiro anunciou na última quinta, 20, a rescisão contratual com o jogador de 33 anos. Segundo a nota oficial da equipe, a decisão foi feita em comum acordo entre o clube e o atleta. No entanto, Léo fez questão de se posicionar nas redes sociais e afirmou que não queria deixar o Cruzeiro, além de ressaltar que a rescisão foi unilateral. Em uma postagem, Léo disse que queria cumprir o seu contrato até o fim de 2022, mas a diretoria decidiu que o tempo dele no Cruzeiro havia encerrado. Declarações diferentes e um fim polêmico para a passagem de um jogador marcante.

Caso Dedé

O Cruzeiro está envolvido em vários casos judiciais, mas talvez o Caso Dedé seja o mais confuso de todos. O jogador está atestando, há alguns meses, que tem condições de jogo e o clube mineiro está o impedindo de jogar futebol. A defesa de Dedé até conseguiu a rescisão do contrato por meio da Justiça, mas outra liminar impediu o rompimento do vínculo. No entanto, em meio a estes processos, os advogados do zagueiro exigiram uma perícia para comprovar a “capacidade laboral”, ou seja, capacidade para trabalhar de Dedé.

A perícia aconteceu na última quarta-feira, 19, e indicou que o jogador está apto para treinar e recuperar a condição de jogo. Sendo assim, na sexta, 21, a defesa de Dedé entrou na Justiça requerendo a rescisão definitiva do contrato com o Cruzeiro, já que o laudo prova que o jogador está com capacidade de atuar e, segundo os advogados, o clube não permite que o atleta trabalhe. No entanto, a Justiça do Trabalho comunicou neste sábado, 22, que a liminar para a rescisão contratual não foi concedida em 1ª instância. Nos próximos dias, esta questão será julgada em 2ª instância e haverá novidades em breve.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Obscuro

Saudações… Sobre “lacunas” no time não precisava nem comentar sobre a necessidade de um zagueiro de verdade. Juntando os 4 não temos 1, que possamos confiar. Esse Rabelo é fraco e preguiçoso…. Os outros enganadores que seriam bons reservas apenas…