Com mudanças na transmissão e no local, Atlético enfrenta o América de Cali em possível noite da classificação

O sorriso dos atletas que podem se classificar para o mata-mata da Libertadores nesta noite. Foto: Pedro Souza / Atlético

O torcedor do Atlético está tenso por um motivo: a partida desta noite pode decretar a volta do Atlético ao mata-mata da Libertadores com duas rodadas de antecedência. O time mineiro faz boa campanha, tem bons números e conta com dois adversários mais fracos no grupo H. Por isso, basta o Galo vencer o América de Cali-COL nesta noite e estará garantido na fase final da competição continental. E para o duelo desta quinta, 13, duas mudanças devem ser destacadas: o local da partida e a transmissão foram alterados.

Nesta quinta, 13, América de Cali-COL recebe o Atlético em Barranquilla às 21:00, em jogo válido pela 4ª rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América de 2021. No jogo da ida, o Galo venceu o clube colombiano no Mineirão por 2 a 1 graças a dois gols de Hulk, artilheiro do Atlético na Libertadores.

As mudanças

Duas modificações importantes aconteceram no jogo do Atlético desta quinta e o torcedor deve estar atento.

A primeira mudança a ser ressaltada é no local da partida. O jogo foi transferido e não acontecerá em Bucaramanga, casa do América nesta Libertadores – o seu estádio, na cidade de Cali, está passando por melhorias visando a Copa América de 2021. Por isso, o Galo não irá jogar no estádio Alfonso López, mas sim no estádio Romelio Martínez, em Barranquilla, cidade que também fica na Colômbia, ou seja, o Atlético não teve uma mudança drástica no deslocamento.

A questão chave para a mudança foram os recentes protestos na Colômbia. Por exemplo, na noite de quarta, 12, Junior Barranquilla e River Plate duelaram no Romelio Martínez, casa do Junior. Devido aos protestos na porta do estádio, o jogo foi paralisado por causa do gás lacrimogêneo. É esperado que a situação no país vizinho melhore, em prol de toda a sociedade, e que a partida entre América de Cali e Atlético não tenha problemas.

A outra mudança importante é que o jogo será transmitido em mais de uma mídia no Brasil. Anteriormente, havia sido confirmado que o Facebook teria exclusividade em todas as partidas da Libertadores nas quintas-feiras, porém o Grupo Disney fechou uma parceria com a rede social e está transmitindo jogos na TV Paga. Por isso, além do Facebook, o confronto entre América de Cali-COL e Atlético terá transmissão do Fox Sports.

A situação no grupo

Após iniciar a sua campanha na Libertadores de forma consistente e com apenas um tropeço – frente ao Deportivo La Guaira-VEN, na estreia -, o Atlético chega nesta 4ª rodada com a possibilidade de se garantir na próxima fase da Libertadores. Após a vitória do Cerro Porteño-PAR frente ao La Guaira na noite de quarta-feira, 12, o Galo visualizou que precisa de um triunfo para se garantir no mata-mata da competição continental.

Com sete pontos conquistados, o Atlético está na liderança do grupo H devido ao saldo de gols, visto que depois da vitória frente ao La Guaira, o Cerro empatou na quantidade de pontos. Se vencer, o Atlético alcança os 10 pontos, abre três para o time paraguaio, rival da próxima partida, e abre sete tentos de vantagem para o La Guaira, ou seja, se classificaria porque, após este jogo, faltará apenas seis pontos.

Em caso de empate, o Galo chega ao 8º ponto, continua na liderança, mas ainda poderia ser alcançado pelo La Guaira e pelo próprio América de Cali, equipe que, com o placar igual, chegaria ao 2º ponto na competição. Se for derrotado pelo time colombiano, o Atlético pode até perder a liderança – depende do saldo de gols – e vê o ressurgimento do time de Cali, já que a equipe colombiana chegaria aos 4 pontos e ficaria apenas três atrás de Cerro e Galo.

O momento e o retrospecto

O jogo é muito importante para os dois times. O Atlético pode se classificar com uma simples vitória e o América de Cali pode ser, praticamente, eliminado da Libertadores com um revés, ou seja, é certo que a partida reserva emoção. E o momento das equipes é bem diferente.

O Atlético chega nesta partida com muita confiança, visto que na última apresentação do time titular, o Galo venceu o Cerro Porteño por 4 a 0 no Mineirão e ganhou muita confiança. No final de semana, o time alvinegro jogou pelo Campeonato Mineiro e apenas empatou com o Tombense por 1 a 1, mas a semifinal já estava decidida após o jogo de ida marcar 3 a 0 para o Galo.

Em contrapartida, o América de Cali-COL entra neste confronto com muita desconfiança. O time colombiano é o lanterna do grupo H da Libertadores, foi eliminado pelo rival Millonarios nas quartas de final do Campeonato Colombiano e, após a derrota no Mineirão, duas semanas atrás, demitiu o treinador Juan Cruz Real. A última partida do time foi o empate contra o Deportivo La Guaira, o qual garantiu o único ponto da equipe na Libertadores. Um ponto a ser destacado é que o América marcou apenas dois gols nos últimos cinco jogos.

O retrospecto do confronto é animador para a massa atleticana. Em cinco duelos já realizados, o Galo venceu em três oportunidades, houve um empate e o América de Cali-COL bateu o rival apenas uma vez, em 1995, pela Conmebol daquele ano. O histórico do Atlético é ainda melhor contra os times colombianos no geral, já que em 17 partidas, o Galo venceu 10 duelos, empatou quatro vezes e foi derrotado em somente três jogos.

As escalações

O Atlético revezou vários jogadores na semifinal do Mineiro, já que o Tombense não é um time tão forte quanto o elenco atleticano, e a classificação para a final aconteceu. Neste momento, o time está se preparando para garantir a vaga no mata-mata da Libertadores, disputar as finais estaduais com o América nos próximos finais de semana e brigar pela liderança do grupo H com o Cerro Porteño na próxima semana.

Mesmo com esses vários objetivos, a partida desta noite é importantíssima para os anseios atleticanos e Cuca irá mandar força máxima para o campo do estádio Romelio Martínez. O time titular está se consolidando e a única possível mudança é a entrada de Jair na vaga de Allan. O restante da formação será igual à escalação que venceu o Cerro na última semana e os desfalques seguem sendo Calebe, Rafael e Zaracho, todos por lesão. Nathan, suspenso na última partida, volta a ser opção no banco.

Provável escalação: Everson; Guga, Rabello, Alonso, Arana; Jair (Allan), Tchê Tchê, Nacho Fernández; Savarino, Hulk, Keno. Técnico: Cuca.

Já o América de Cali, equipe que está inserida em um caos interno, irá a campo com um técnico interino. Após demitir Juan Carlos Real, o auxiliar Jersson González assumiu a equipe e irá colocar força máxima para buscar três pontos diante de um elenco muito mais forte. A grande novidade do América é a volta de Adrián Ramos, atacante com boa passagem na Europa, onde chegou a atuar no Borussia Dortmund-ALE. No jogo da ida, o centroavante de 35 anos não estava 100% fisicamente e sequer viajou para Belo Horizonte.

Provável escalação: Graterol; Arrieta, Andrade, Ortiz, Héctor Quiñones; Rafael Carrascal, Paz, Cabrera; Moreno, Adrián Ramos, Vergara; Técnico: Jersson González.

América de Cali-COL x Atlético

4ª rodada da Copa Libertadores da América de 2021
13/05/2021, 21:00 horas, Estádio Romelio Martínez
Transmissão: Facebook e Fox Sports
Árbitro: Andrés Cunha (URU)
Assistentes: Nicolas Taran (URU) e Horacio Ferreiro (URU).

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Comentários