Classificação tranquila, duelo com o Atlético ou eliminação: veja os possíveis caminhos do Cruzeiro no Mineiro e detalhes do jogo contra o Patrocinense

Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro

A última rodada do Campeonato Mineiro de 2021 reserva uma rodada simultânea, complexa, perigosa e cheia de possibilidades. Apenas o Atlético já se garantiu e três vagas no G-4 do estadual estarão em jogo. O América está praticamente classificado para a fase final e pode perder para a URT por até três gols de diferença. Já Cruzeiro, Tombense, URT, Pouso Alegre e Caldense brigam por duas vagas.

Neste domingo, 25, o Cruzeiro enfrenta o Patrocinense no Mineirão. O jogo que acontece às 16 horas, no horário nobre do futebol brasileiro, é válido pela 11ª rodada do Campeonato Mineiro, ou seja, a última rodada da fase inicial.

A Raposa tem a vitória como objetivo, visto que a classificação para a fase final do Mineiro não aconteceu em 2020 e é uma obrigação da equipe azul celeste. Se vencer, se classifica com tranquilidade. Em caso de empate, o duelo contra o Atlético já na semifinal é provável. Se perder, a eliminação é uma grande possibilidade. Já o CAP não tem grandes objetivos na última partida, visto que não alcança sequer a classificação para a Copa Inconfidência.

Por isso, o Blog Bola Pra Frente detalhou separadamente cada situação: vitória do Cruzeiro, empate ou derrota da equipe azul de Belo Horizonte. Vale destacar que todos estes jogos acontecem simultaneamente, às 16 horas deste domingo, 25.

Se vencer

Atualmente, o Cruzeiro está no 3º lugar, conquistou 17 pontos, fez oito gols e sofreu quatro tentos, ou seja, quatro gols de saldo. Por isso, se vencer, o Cruzeiro chega aos 20 pontos e estará na fase final do Campeonato Mineiro, visto que os rivais não alcançam esta pontuação.

Com três pontos conquistados, o time chega aos 20 pontos e garante a 2ª ou 3ª colocação, já que tem mais vitórias que o Tombense, única equipe que tem 17 pontos e pode chegar aos 20 tentos, mas não ultrapassa a Raposa em caso de vitória do time azul celeste. Com o triunfo, o Cruzeiro deve torcer para um tropeço do América para que os comandados de Felipe Conceição fiquem na 2ª posição e tenham vantagem na semifinal.

Se empatar

Atualmente, o Cruzeiro está no 3º lugar, conquistou 17 pontos, fez oito gols e sofreu quatro tentos, ou seja, quatro gols de saldo. Por isso, se empatar, o Cruzeiro chega aos 18 pontos e corre o risco de enfrentar o líder Atlético na próxima fase ou até mesmo ser eliminado do Mineiro, visto que os rivais podem o ultrapassar.

Com apenas um ponto conquistado, o time chega aos 18 pontos e não se classifica na 2ª posição, pois não alcançaria o América. Logo, a disputa ficaria para a 3ª e 4ª vaga. Com 18 pontos e quatro gols de saldo, o Tombense ou Pouso Alegre, times que se enfrentam, ultrapassariam o Cruzeiro com qualquer vitória, ou seja, neste confronto o cruzeirense deve torcer pelo empate.

Além de Tombense e Pouso Alegre, a URT, time que duela com o América, pode ultrapassar o Cruzeiro com um triunfo, aproveitando o empate da equipe da capital. Já a Caldense consegue passar a Raposa se vencer o rebaixado Boa Esporte por quatro gols de diferença.

Portanto, se empatar com o Patrocinense, o Cruzeiro deve torcer por outros placares iguais para se classificar, visto que algumas vitórias podem desclassificar a Raposa. Além disso, o 4º lugar poderia resultar em um confronto com o Atlético na semifinal.

Se perder

Atualmente, o Cruzeiro está no 3º lugar, conquistou 17 pontos, fez oito gols e sofreu quatro tentos, ou seja, quatro gols de saldo. Por isso, se perder, o Cruzeiro fica com 17 pontos e corre o sério risco de ser eliminado, visto que os rivais podem o ultrapassar com maior tranquilidade.

Sem somar pontos, o Cruzeiro fica com 17 pontos e perde no mínimo uma posição, já que Pouso Alegre e Tombense se enfrentam e pelo menos um dos times irá somar pontos, ou seja, uma destas equipes, certamente, ultrapassa a Raposa. Portanto, sendo derrotado, o time de Felipe Conceição se classifica na 4ª colocação ou é eliminado.

Com a derrota para o Patrocinense, o Cruzeiro deve torcer contra a Caldense e a URT para permanecer na 4ª posição. Para ultrapassar a Raposa, o URT deve vencer o América, pois o time de Patos de Minas não consegue deixar o Cruzeiro para trás com um empate. Esta é a mesma situação da Caldense, mas o time de Poços de Caldas enfrenta o rebaixado Boa Esporte e ultrapassa a Raposa com uma vitória simples.

Portanto, se perder para o Patrocinense, o Cruzeiro ficará olhando os outros resultados para se classificar na 4ª posição, já que o 2º e 3º lugar são impossíveis com uma derrota. Para conseguir a classificação para a fase final, a Raposa, após perder o seu duelo, deve torcer para que a URT e a Caldense não vençam as suas partidas.

Cruzeiro x Patrocinense

Após detalhar as possibilidades e a importância da vitória para o Cruzeiro, é necessário falar um pouco sobre o jogo. A Raposa vem de uma derrota para o Pouso Alegre por 1 a 0 no domingo passado, tropeço que colocou o Cruzeiro nesta situação tumultuada na última rodada do Mineiro. Já o Patrocinense perdeu para URT por 1 a 0 na rodada passada e, por isso, está nesta situação: o CAP não disputa nada na partida desta tarde.

Como o Cruzeiro precisa de uma vitória para se classificar em 2º ou 3º, o retrospecto é um ponto muito positivo para a torcida analisar. A Raposa já enfrentou o Patrocinense em 14 oportunidades e nunca perdeu uma partida. Nestes duelos, o Cruzeiro venceu 10 vezes e houve quatro empates, ou seja, o Patrocinense busca a 1ª vitória na história do confronto.

As escalações

Sem Rafael Sobis, jogador que está suspenso pelo 3º amarelo, Felipe Conceição deve promover a volta de William Pottker ao time titular. Além disso, o meio-campista Rômulo, destaque das últimas partidas, tende a seguir como titular ao lado de Adriano e Matheus Barbosa. O restante do time é o mesmo que está se consolidando no Cruzeiro em 2021.

Provável escalação: Fábio; Raúl Cáceres, Weverton, Ramon e Matheus Pereira; Adriano, Matheus Barbosa e Rômulo; Bruno José, William Pottker e Airton. Técnico: Felipe Conceição.

Já o Patrocinense entrará em campo sem grandes pretensões e sem boas opções. O time de Patrocínio não terá muitos jogadores à disposição e só cumprirá tabela nesta última partida do Mineiro. A grande dúvida do técnico Rogério Henrique é sobre a participação do atacante Jean Carlos.

Provável escalação: Edson; Wisley, Alisson, Breno, Jhonathan Moc; Maycon Lucas, Éverton, Leomir; GIba, Jeam, Jean Carlos (Wallace). Técnico: Rogério Henrique.

Cruzeiro x Patrocinense
11ª rodada do Campeonato Mineiro
25/04/2021, 16:00 horas, Mineirão
Transmissão: Globo Minas, SporTV e Premiere
Árbitro: Igor Júnio Benevenuto (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Marcus Vinícius Gomes (MG).

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments