Devido à pandemia, o clássico entre Atlético e Cruzeiro deve completar 400 dias de intervalo e pode ser marcado em uma data histórica

Foto: Bruno Cantini / Atlético

O coronavírus está cada dia mais presente em nossas vidas e, infelizmente, o número de mortes diárias no Brasil está em ascensão. Na última terça-feira, 16, foram registradas mais de 2800 mortes em solo brasileiro, um número arrasador e uma tragédia que se iniciou há um ano.

Como exemplo do cenário repetido, em 15 de março de 2020, exatamente 367 dias atrás, a Federação Mineira de Futebol paralisou o futebol mineiro devido ao início da pandemia do coronavírus. E, por causa do caos atual, deve haver nova paralisação no estadual, mesmo um ano depois do início da pandemia da COVID-19.

O Governo de Minas Gerais decretou “onda roxa” em todo o estado e a determinação inclui a suspensão dos eventos esportivos, ou seja, o Campeonato Mineiro deve parar. O decreto é válido por 15 dias e o estadual tende a ficar parado a partir da próxima segunda, 22. Neste dia, FMF e o Governo irão se reunir para discutir o assunto, mas a tendência é que o futebol também respeite o grave momento em que a sociedade está inserida.

O clássico entre Atlético e Cruzeiro

Se esta suspensão do futebol por duas semanas em Minas Gerais for efetivada, quatro rodadas do Campeonato Mineiro serão afetadas e, certamente, irão ser remanejadas para os dias seguintes. As equipes jogarão neste final de semana: o Atlético joga na sexta, 19, e o Cruzeiro e o América se enfrentam no domingo, 21. A partir de segunda, 22, o futebol mineiro tende a ficar parado.

Os jogos da 6ª, 7ª, 8ª e 9ª rodada do estadual serão afetados por esta determinação e o torcedor mineiro terá que esperar mais tempo para assistir o maior clássico do estado. Atlético e Cruzeiro iriam se enfrentar no dia 03/04, às 19 horas, no Mineirão. Porém, com o agravamento da pandemia e a paralisação do futebol, o clássico deve levar mais alguns dias para ser realizado. E o intervalo sem o confronto dos maiores times de Minas completará um número expressivo.

O último clássico entre Galo e Raposa aconteceu em 07 de março de 2020 e os maiores clubes de Minas não se enfrentam há mais de um ano. Portanto, os times vivem o maior intervalo do confronto dos últimos 90 anos – no início da rivalidade, na década de 1920, Atlético e Cruzeiro ficaram mais de dois anos sem duelar.

Com esta pausa do futebol, o jogo entre os times de Belo Horizonte não acontecerá no início de abril e, devido à quantidade de jogos que serão adiados, o clássico será realizado após o dia 11 de abril, completando assim 400 dias sem um encontro entre Atlético e Cruzeiro. São 400 dias sem o duelo entre as maiores torcidas de Minas Gerais. O “novo normal” e a situação desastrosa em que a sociedade está vivenciando prejudicou até o maior momento do futebol mineiro. 

A possível data histórica

Como dito anteriormente, o futebol tende a ficar parado por no mínimo 15 dias. Não é possível concluir sobre a continuação desta paralisação após este decreto e, obviamente, a torcida de todos é para uma melhora na situação da pandemia. E se o Campeonato Mineiro ficar apenas 15 dias suspensos, Atlético e Cruzeiro irão se enfrentar em uma data emblemática.

Ao fazer uma conta simples, é possível concluir que: serão 15 dias parados e, por isso, o clássico entre Atlético e Cruzeiro deve ser adiado em duas semanas, levando em consideração a data pré-determinada. Logo, o jogo pode acontecer no dia 17 de abril de 2021, data que comemora 100 anos do primeiro jogo entre as equipes.

Em 17 de abril de 1921, o recém-fundado Cruzeiro – na época ainda carregava o nome de Societá Sportiva Palestra Itália – enfrentou o Atlético e venceu por 3 a 0, em um jogo que ficaria marcado como o início da maior rivalidade de Minas Gerais. Curiosamente, o clássico mais aguardado dos últimos 90 anos  – por causa do longo intervalo sem se enfrentar – pode acontecer justamente no dia do centenário deste primeiro jogo. Haja história!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Comentários