Se pontuar, Galo leva 1,7 milhões: Atlético enfrenta o Palmeiras em dia de adeus de Jorge Sampaoli

Fotos: Pedro Souza / Atlético

O Atlético lutou durante o Brasileirão inteiro, liderou por algumas rodadas, perdeu pontos que não deveria ter deixado escapar e acabou chegando na última rodada sem a possibilidade de erguer a taça. Mesmo assim, o Galo tem um grande objetivo no 38º jogo da competição: garantir a 3ª colocação. Esta posição garantiria 1,7 milhões a mais para o time mineiro e o Atlético só precisa pontuar na partida contra o Palmeiras. Além disso, o jogo é especial por marcar a despedida de Jorge Sampaoli, mas, por causa da suspensão, o técnico não estará em campo. Irá dizer adeus pelas tribunas do Mineirão.

Atlético e Palmeiras se enfrentam nesta quinta, 25, às 21:30, no Mineirão. A partida é válida pela 38ª rodada, ou seja, a rodada final do Brasileirão 2020, onde todos os jogos irão acontecer simultaneamente. No 1º turno, o Galo e o Verdão duelaram em São Paulo e o time paulista venceu por 3 a 0, em uma das piores partidas do Atlético no Brasileirão.

1,7 milhões na conta e muito mais

É importante ressaltar que por causa da vitória contra o Sport, o time mineiro está garantido na fase de grupos da Libertadores 2021. Porém, o Atlético tem um grande objetivo na última rodada: garantir a melhor posição possível. Atualmente, o Galo é o 3º colocado e conquistou 65 pontos na competição. Como o São Paulo é o 4º, com 63 tentos conquistados, o Atlético precisa apenas de um empate para se garantir no 3º lugar. O Tricolor Paulista, que vive má fase, duela com o Flamengo, que briga pelo título nesta última rodada.

Além de garantir uma boa posição esportiva, se sagrando como o terceiro melhor time do campeonato, o Atlético irá levar uma boa quantia financeira. Se ficar em 4º, a premiação do Brasileirão é de 28 milhões, porém, com um empate, o time alvinegro leva para a Cidade do Galo 29,7 milhões. Uma tarefa simples e que pode melhorar a parte financeira atleticana. 

Um outro objetivo do Galo é terminar o Campeonato Brasileiro como o melhor mandante. A força do Mineirão ficou clara na competição e o grande problema foram as partidas longe de casa. Se empatar, o Atlético será dono da melhor campanha como mandante de uma edição de Brasileirão pela primeira vez na história dos pontos corridos. Atualmente, o time mineiro conquistou 43 pontos em 18 jogos e apenas o Internacional, time que conquistou 40 pontos, pode alcançar.

Os números e o momento

O Atlético chega nesta última rodada com uma certa tranquilidade após vencer o Sport por 3 a 2 na última rodada e, consequentemente, se classificar para a fase de grupos da próxima Libertadores. Com gol salvador de Marrony, o Atlético voltou a vencer após três tropeços seguidos. Já o Palmeiras, equipe que está em 7º, empatou por 1 a 1 nas últimas duas rodadas – contra o São Paulo e o Atlético Goianiense – e irá disputar o seu 7º jogo em 18 dias.

No 2º turno, ambas as equipes foram bem e se consolidaram na parte de cima da tabela. O Palmeiras, mesmo envolvido nas disputas de Libertadores, Copa do Brasil e Mundial, conseguiu fazer 29 pontos em 18 jogos e tem a 6ª melhor campanha do returno. Já o Atlético fez um 2º turno melhor que o 1º e está com 33 pontos nesta 2ª parte do campeonato. Se fizer um ponto, o Atlético terá a sua melhor pontuação em um returno desde o início dos pontos corridos – atualmente, a campanha de 33 pontos no 2º turno do Brasileirão de 2015 é a melhor 2ª parte do Atlético.

No retrospecto do confronto, o Palmeiras tem uma vantagem considerável. Em 83 jogos disputados, o Atlético venceu 28 partidas, houve empate em 16 oportunidades e o Palmeiras saiu vitorioso de campo 39 vezes. Além disso, o Galo não vence o Verdão há oito partidas. Entre 2011 e 2016, o time mineiro até ostentou uma ótima sequência de nove vitórias em dez confrontos com o Palmeiras, porém, atualmente, o momento não é bom: a última vitória em casa do Galo sobre a equipe paulista foi em 2015, ainda com Lucas Pratto na equipe.

A escalação

A despedida da temporada 2020 marcará o adeus da comissão técnica atleticana. O adeus foi oficializado por Jorge Sampaoli. O treinador irá encerrar a sua passagem pelo Galo após a partida desta noite e irá deixar o comando atleticano. Por causa da expulsão no último jogo, a despedida de Sampaoli acontecerá das tribunas e Jorge Desio, auxiliar de Sampaoli que também deixará a equipe, irá comandar a equipe nesta noite.

Outras duas despedidas são possíveis, porém ainda não foram oficializadas pelo clube. O goleiro Victor e o atacante Diego Tardelli têm contrato até o fim desta semana e a diretoria ainda não confirmou se os vínculos dos ídolos serão renovados. Existe a possibilidade de ambos atuarem no final de semana, contra o URT, e encerrar as suas passagens.

Dificilmente Victor terá seu contrato renovado e o santo será relacionado pela última vez no Brasileirão. Segundo o portal Fala Galo, o goleiro jogará contra o URT no domingo, 28, para se despedir. Já Diego Tardelli tem mais chances de permanência – a renovação depende do novo treinador – e pode até atuar no duelo com o Palmeiras. 

Enfim, um jogo marcante pelas possíveis despedidas e importantíssimo pela premiação. Felizmente para os atleticanos, o único desfalque da equipe é o técnico Jorge Sampaoli e o auxiliar Jorge Desio terá todos os atletas à disposição para finalizar a temporada mais maluca da história. 

Provável escalação: Éverson; Guga, Réver, Alonso, Arana; Allan, Jair, Hyoran (Nathan ou Calebe); Savarino, Sasha (Marrony), Keno. Técnico: Jorge Desio.

Sobre o adversário

O Palmeiras é o atual campeão da Libertadores, finalista da Copa do Brasil e esta última partida frente ao Atlético é, meramente, protocolar. O time de Abel Ferreira enfrenta o Grêmio no domingo, 28, pela final da competição de mata-mata e, por isso, irá poupar alguns jogadores, a fim de chegar 100% fisicamente para a decisão.

O Verdão sofreu com o acúmulo de jogos no último mês. Como disputou todas as partidas de todas as competições, o Palmeiras piorou um calendário que já é ruim e no fim de semana chegará ao 8º jogo em 21 dias : uma quantidade absurda de partidas. 

Por causa desta alta quantidade de jogos e devido à final do próximo domingo, o Palmeiras enviou para Belo Horizonte um grupo de jogadores jovens e alguns nomes conhecidos, mas atletas que são reservas. Zé Rafael, que está retornando de lesão, deve ser um dos jogadores mais talentosos do time titular, visto que ele necessita de retomar o ritmo de jogo para ser utilizado nos jogos decisivos. 

Provável escalação: Vinicius Silvestre; Mayke, Kuscevic, Alan Empereur, Renan; Danilo, Zé Rafael; Lucas Lima, Gustavo Scarpa, Lucas Esteves; Breno Lopes. Técnico: Abel Ferreira.

Atlético x Palmeiras
38ª rodada do Brasileirão Série A
25/02/2021, 21:30 horas, Mineirão
Transmissão: Premiere
Árbitro: Heber Roberto Lopes (PR)
Assistentes: Alex dos Santos (PR) e Henrique Neu Ribeiro (PR).

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments