Loterias e futebol: a união entre jogos de apostas e o esporte mais querido do país

As loterias que hoje podem ser encontradas em boa parte das cidades brasileiras são algo muito mais antigo do que se imagina. As primeiras casas de jogos, oferecendo prêmios à base de sorteios de números e outros elementos aleatórios, surgiram primeiro de forma “não oficial” nas sociedades do Oriente Médio e do leste da Ásia, incluindo aí os povos hebreus, egípcios e chineses.

Assim que a loteria chegou à Europa, os então reinos absolutistas viram nas casas uma boa oportunidade de arrecadação de recursos. Dessa forma, surgiram as casas lotéricas sob domínio estatal, um formato que sobrevive até hoje, até mesmo aqui no Brasil.

O primeiro registro de loteria em solos brasileiros veio de uma cidade mineira: Vila Rica, antiga capital do estado. Sob a necessidade de arrecadar fundos para construir a infraestrutura básica da cidade, os governantes da região organizaram uma loteria para conseguir esses recursos. A manobra tornou-se um grande sucesso, com a câmara municipal e outros prédios necessários para o funcionalismo público sendo construídos a partir dos mencionados concursos.

Nos tempos atuais, a loteria no Brasil cumpre funções importantes de arrecadação em âmbitos de cultura, segurança pública e até esporte. Não só com a arrecadação total dos jogos lotéricos nas casas do ramo, mas também com loterias específicas, voltadas para os grandes fãs de futebol.

Fonte: Pixabay

Os laços entre loterias e esportes em terras além-Brasil

Fora do território nacional, os jogos lotéricos e os esportes têm uma forte ligação. De fato, um dos jogos mais famosos das casas no Brasil, a famigerada raspadinha, surgiu nos Estados Unidos por meio de uma iniciativa da empresa Scientific Games, em 1974.

Consequentemente, os jogos de loteria acabaram ganhando versões digitais a partir do momento que grande parte dos setores passaram a se voltar também ao universo online. A raspadinha online, por exemplo, é uma contraparte direta das raspadinhas originais, sendo as primeiras encontradas facilmente em plataformas online que disponibilizam serviços do gênero. Estas plataformas se destacam por oferecer uma grande variedade de jogos que abrangem várias temáticas, o que inclui esportes como o futebol, sendo a raspadinha Football Scratch um exemplo disso. Esta apresenta elementos visuais altamente inspirados no esporte mais amado pelos brasileiros, com equipamentos, estádios, torcedores e jogadores ilustrando os cartões da raspadinha digital.

A ligação entre esportes e loterias faz-se forte também a partir dos jogos lotéricos com foco em esportes, que têm vários exemplares na Europa e na Ásia. Em Portugal, as loterias esportivas mais famosas são o Totobola, que é dedicado ao futebol, e a Placard, que abrange um grande número de esportes. Já na Ásia, o “toto” da liga japonesa de futebol, a J-League, tornou-se um sucesso enorme desde seu lançamento, em 2001.

Outra conexão forte entre esportes e loterias vem das apostas esportivas. Com as apostas em cota fixa em eventos esportivos a passos de voltar às loterias no Brasil, estas já são realidade há muito tempo nos cassinos internacionais. De fato, alguns desses estabelecimentos têm como grande atrativo reunir entusiastas dos esportes, o que inclui o futebol, para acompanhar os jogos em que fizeram suas apostas. Alguns destes lugares vão além, tornando-se anfitriões de eventos esportivos como boxe e MMA.

De fato, a “meca” do mundo das apostas, Las Vegas, que fica localizada no estado de Nevada, nos Estados Unidos, ganhou recentemente um time de futebol. O Las Vegas Lights tem seu nome inspirado nas luzes dos cassinos que iluminam a “Strip” da famosa cidade, atualmente disputando partidas na liga USL. Seu sucesso já tem levado a cidade a considerar a expansão ou até a construção de um novo estádio de futebol na localidade, por conta da expectativa do Lights conseguir uma vaga na liga mais importante do país, a Major League Soccer.

Loterias brasileiras para os fãs de futebol

Ainda na temática esportiva, as loterias no Brasil têm um papel muito importante para os nossos esportes. Afinal, parte da arrecadação de muitos dos seus jogos é direcionada para o financiamento do Ministério dos Esportes, das Secretarias de Esporte estaduais e também dos comitês olímpicos do país.

Para o esporte mais amado do país, o futebol, destacam-se duas modalidades lotéricas em específico. A primeira é a Timemania, que funciona como uma loteria comum, na qual um sorteio de números aleatórios determina os vencedores de um prêmio que pode chegar à casa dos milhões de reais. Já a Loteca é para aqueles que confiam no seu poder de predição, uma vez que ela requer a escolha correta em 14 partidas de futebol a serem realizadas no decorrer da semana.

Timemania e Loteca são as campeãs na arrecadação lotérica direcionada a times de futebol, uma vez que foram criadas para esse fim. Numa iniciativa de reduzir as grandes dívidas dos clubes nacionais, estes jogos funcionam como uma das fontes de renda voltadas a reduzir o peso das mesmas nos balanços contábeis de times tanto do topo quanto da base da pirâmide nacional.

Enquanto a Mega-Sena e seus prêmios, que podem muitas vezes chegar às centenas de milhões de reais, são geralmente o destaque das loterias Brasil afora, a Lotomania e a Loteca são boas opções para os fãs de futebol. Não só pelos seus prêmios, mas também pela possibilidade de poder contribuir diretamente na solução de problemas do seu clube do coração através de uma pequena aposta.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.