6 gols feitos e 6 gols sofridos em 6 jogos. Veja estes e outros números do setembro do Cruzeiro

Reprodução Twitter

O mês foi salvo pela grande vitória contra a Ponte Preta na última quarta, 30. Com o bom resultado, o Cruzeiro deixou a zona do rebaixamento, alcançou um saldo de gols positivo e colocou um “fim momentâneo” na crise esportiva.

Ainda é necessário evoluir para consolidar e apresentar este estilo de jogo em outras partidas, porém o aproveitamento no último jogo “salvou” as estatísticas do mês.

Um dos pontos que mais chamam a atenção é a quantidade de finalizações para marcar um gol. Como a Raposa fez apenas 6 gols no mês, foram necessárias mais de 17 finalizações para conseguir balançar as redes, número terrível para qualquer equipe. O setor ofensivo deve treinar muito o fundamento.

Outro ponto negativo é a falta de poder de reação. O Cruzeiro começou perdendo em 3 oportunidades no mês de setembro e não conseguiu virar, ou seja, quando toma o 1º gol, a Raposa não se recupera.

Matheus Pereira foi o grande destaque da equipe no mês. O lateral da base atuou em todos os 540 minutos de setembro, fez 1 gol e deu 1 assistência. 

Veja os números do Cruzeiro abaixo, deixe sugestões de novas estatísticas para serem observadas pelo blog no próximo mês.

Caso você queira comparar com os dados do mês de agosto, veja aqui!

Estatísticas do Cruzeiro em setembro:

Retrospecto:

O Cruzeiro entrou em campo 6 vezes, venceu 2, empatou 1 e perdeu 3 vezes, 38,9%.
Em casa, a Raposa jogou 4 partidas, ganhou 2, empatou 1 e foi derrotada 1 vez, 58,3 %.
Fora de casa, o time jogou 2 vezes e perdeu 2 vezes, 0%.

Lista de jogos:

Brasil de Pelotas 1 x 0 Cruzeiro – 02/09/2020
Cruzeiro 1 x 1 CRB – 07/09/2020
Cruzeiro 1 x 0 Vitória – 11/09/2020
CSA 3 x 1 Cruzeiro – 19/09/2020
Cruzeiro 0 x 1 Avaí – 25/09/2020
Cruzeiro 3 x 0 Ponte Preta – 30/09/2020

Números do Cruzeiro no mês de setembro:

Gols feitos: 6 | Média de gols: 1 por jogo
Gols sofridos: 6 | Média de gols sofridos: 1 por partida

Finalizações: 104 tentativas | Média de arremates: 17,3 por jogo
Finalizações certas: 31 chutes certeiros| Média de arremates certos: 5,1 por partida
Precisão do chute: 29,8% das tentativas vão no gol
O Cruzeiro precisou de 17,3 finalizações para fazer um gol e de 5,1 chutes certos para marcar.

Média de posse de bola: 58,7% por jogo
Passes: 2863 | Média de passes: 477,2 por jogo
Passes certos: 2460 | Média de passes certos: 410 por jogo
Precisão do passe: 85,9% dos passes vão na direção correta.

Dados dos jogadores:

Número de jogadores utilizados: 25 atletas
Atletas com mais minutos: Fábio e Matheus Pereira, jogadores que atuaram em todos os 540 minutos do mês de setembro.

Jogadores com mais gols: Marcelo Moreno, Régis, Matheus Pereira, Machado, Arthur Caíke e Manoel, todos com 1 gol cada em setembro.
Atletas com mais assistências: Régis, Matheus Pereira, Machado, Arthur Caíke e Roberson, com 1 assistência cada neste mês.

Jogadores com mais cartões amarelos: Cacá e Airton, com 3 cartões em setembro.
Nenhum atleta recebeu cartão vermelho.

Curiosidades:

Gols feitos no 1º tempo: 3 gols (50% do total) | Gols feitos na 2ª etapa: 3 tentos (50%)
Gols sofridos no 1º tempo: 2 gols (33,3%) | Gols sofridos na 2ª etapa: 4 tentos (66,7%)

Começou perdendo: 3 jogos | Começou perdendo e virou: 0 (0%) | Começou perdendo e perdeu: 3 (100%)
Iniciou ganhando: 3 vezes | Iniciou vencendo e sofreu empate: 1 (33,3%) | Iniciou ganhando e venceu: 2 (66,7%)

Horário do jogo:
O Cruzeiro não jogou de manhã e nem durante à tarde no mês de setembro.
À noite: 6 jogos, 2 vitórias, 1 empate e 3 derrotas, 38,9%

Dia do jogo:
Segunda: 1 jogo, 1 empate, 33,3%
Quarta: 2 partidas, 1 vitória e 1 derrota,50%
Sexta: 2 jogos, 1 vitória e 1 derrota, 50%
Sábado: 1 partida, 1 derrota,0%

Uniformes utilizados:
Azul: 3 partidas, 1 vitória, 1 empate e 1 derrota, 44,4%
Branco: 3 jogos, 1 vitória e 2 derrotas, 33,3%
O Cruzeiro não utilizou o seu 3º uniforme no mês de setembro.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Comentários