100% como mandante, Atlético duela com o algoz Grêmio neste sábado

Reprodução Twitter

O Galo de Sampaoli enfrenta neste sábado um dos maiores carrascos dos últimos anos. As lembranças recentes dos atleticanos em confrontos com o tricolor gaúcho são bem negativas, incluindo uma final de Copa do Brasil e um passeio no último encontro – 4 a 1 para o Grêmio, em Belo Horizonte.

Para acabar com esses traumas e melhorar o retrospecto, o Atlético conta com o bom momento. Líder do campeonato e time que mais venceu, o Galo entra em campo neste sábado, 26, frente o Grêmio, às 21 horas, no Mineirão, em busca de abrir mais vantagem na liderança do campeonato. 

Com incríveis 70% de aproveitamento no Brasileirão – 7 vitórias e 3 derrotas – o Atlético está com 21 pontos, 1 ponto à frente e com um jogo a menos em relação ao vice-líder Internacional. Sob comando de Jorge Sampaoli, o Galo tem 78,4% de aproveitamento.

Já o adversário desta noite estava em um momento ruim e Renato Gaúcho estava sendo muito contestado pelo mau momento da equipe. Mas uma vitória fora de casa contra o rival Internacional, pela Libertadores, acalmou os ânimos no Grêmio e agora a equipe almeja recuperar-se no Brasileirão. 

O time de Porto Alegre venceu 2 partidas, perdeu uma vez e empatou em incríveis 7 oportunidades na Série A deste ano. Enquanto o Galo está 100% em casa, o tricolor gaúcho está invicto como visitante neste Brasileirão.

Além do Grêmio ter perdido apenas uma partida na competição, o retrospecto do duelo é outro fator negativo para o Atlético. Os números históricos mostram que em 71 jogos, o Galo venceu 22 vezes, empatou 20 jogos e saiu derrotado em 29 oportunidades. 

As últimas partidas comprovam ainda mais a fama gremista de carrasco do Galo. São 4 vitórias em sequência para o time gaúcho, além de 14 jogos seguidos sendo derrotado apenas uma vez pelo Galo. 

O bom momento atleticano é a maior esperança do torcedor. Após um belíssimo jogo contra o Atlético-GO, onde o Galo venceu por 4 a 3, o time assumiu a liderança e almeja continuar em 1º até o final do campeonato. Para isso, concentração, manutenção do bom futebol e seriedade são pontos cruciais para alcançar o objetivo. 

Para o jogo deste sábado, Sampaoli não terá nenhum desfalque recente – apenas Diego Tardelli, porém o ídolo não volta este ano. Com isso, Sampaoli terá praticamente todo seu elenco à disposição e poderá entrar com a escalação que ele imagina ser a ideal para o confronto com o Grêmio. 

Réver, capitão da equipe, fez cirurgia no último domingo, após fraturar o nariz contra o Atlético-GO, porém treinou normalmente nos últimos dias e estará disponível para enfrentar seu ex-time. Caso Sampaoli opte por poupar Réver, Igor Rabello deverá o substituir. Júnior Alonso é o único atleta que jogou todos os minutos após a pausa e também o único jogador pendurado.

No gol, Éverson e Rafael estão disputando a vaga. O recém-chegado fez uma belíssima partida contra o Atlético-GO – mesmo sofrendo 3 gols – e deve ser mantido. Guga e Mariano estão se revezando também. O lateral mais jovem foi mal na última partida e foi substituído por Rabello, mudando um pouco a formação. São possibilidades do “Sampaolismo”.

No meio-campo, Nathan deve ganhar mais minutos, visto que está recuperado e entrou muito bem no último jogo. O ataque deve permanecer em rotação. Keno, autor de um hat-trick contra o time goiano, deve seguir como titular. Sasha não vem em um grande momento e pode dar lugar para Marrony, jovem que não atua há alguns jogos.

Provável escalação: Éverson (Rafael); Mariano (Guga), Réver (Igor Rabello), Alonso, Arana; Allan, Jair, Nathan (Alan Franco); Savarino (Marquinhos), Eduardo Sasha (Marrony), Keno. Técnico: Jorge Sampaoli.

Sobre o adversário

Nada melhor que uma vitória em um “Grenal” para melhorar a fase. O Grêmio estava sendo bastante contestado pelas atuações abaixo do esperado e pela sequência ruim. A equipe gaúcha tinha vencido apenas 2 partidas nas últimas 12 , mas o clássico deu um novo gás para os comandados de Renato Gaúcho.

A última partida no Brasileirão foi contra o Palmeiras, no domingo passado. O encontro entre os “reis dos empates” foi justificado com o 1 a 1 no placar, com direito a gol de Ferreira aos 47 minutos, salvando o Grêmio de mais um revés em casa. No confronto frente o Internacional, Pepê foi o responsável pelo gol da vitória.

Pensando no importante duelo com o Universidad Católica, pela 5ª rodada da Libertadores, Renato Gaúcho preservou alguns titulares. Vanderlei, Kannemann, Alisson e Diego Souza sequer viajaram para Belo Horizonte. Com isso, o Grêmio jogará com um time mesclado, todavia bem forte.

Provável escalação do Grêmio: Paulo Victor; Victor Ferraz (Orejuela); Paulo Miranda, David Braz, Diego Barbosa; Lucas Silva, Matheus Henrique, Darlan, Robinho (Luiz Fernando), Pepê; Isaque. Técnico: Renato Gaúcho. 

Atlético x Grêmio
12ª rodada do Brasileirão Série A
26/09/2020, 21 horas, Estádio Mineirão
Transmissão: SporTV (menos MG), Premiere
Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (SP) e Vinícius Melo de Lima (RN).

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.