Galo ganha, ao menos, um ponto de partida

Atlético / Twitter

Atlético / Twitter

Acreditar que o atual time do Atlético produziria três gols contra o Unión era uma tarefa de otimismo, para não dizer fé. Houve chances para isso, mas quando não faltou a frieza para convertê-las, faltou mesmo qualidade.

De qualquer forma, ter vencido por 2 a 0 com uma formação tática diferente mostra um caminho para ao menos estabilizar o rumo da montagem do time, eliminando as turbulências dos maus resultados recentes e dando o tão necessário tempo para o treinador trabalhar.

Com a escalação de três zagueiros, fazia sentido apostar na capacidade de apoio dos alas, até por ser a melhor característica de Guga e principalmente Guilherme Arana. O ex-corintiano deixou boas impressões e pode crescer neste cenário. Vale destacar ainda o bom desempenho de Hyoran, que precisa se apresentar assim com regularidade.

Seria melhor se houvesse a capacidade de receber a bola na frente, ainda que via ligação direta, e mantê-la por lá. Outra vez as limitações de Franco Di Santo passaram fatura – e mantê-lo em campo ao lado de Ricardo Oliveira foi um erro estratégico de Dudamel.

O venezuelano precisa mostrar maior capacidade de interferir positivamente com as alterações. Mais uma vez, o time pareceu sofrer para se adaptar às trocas.

A eliminação da Sul-Americana é um baque para quem tinha no torneio continental uma das poucas possibilidades realistas de título na temporada. Mas, considerando que ela já era praticamente certa, o melhor é olhar para o que funcionou na noite de quinta-feira e pensar no que vem pela frente.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Futebol Nacional

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
8 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Vinicius Cabuloso

Pela frente vem o MENGÃO…
E outros vários…

Elder Jose de Alencar

O que vem pela frente e mais decepçao!

Rooster_2020

A sul Americana era uma chance real de titulo, foi-se. Copa do Brasil e Brasileiro voce provavelmente
vai ter o Flamengo pela frente que hoje esta em outro patamar em relação aos demais, ou seja, é acertar o time para tentar uma libertadores ano que vem.

alberto

Ontem o time jogou bem e cansou. São necessários um atacante e um meia. Talvez Tardelli e Cazares sejam estes que farão o time melhorar. E definiir depois do Fábio Santos, quem será o cobrador oficial de pênaltis. Hyoran bateu bem no jogo da sulamericana.

HUMBERTO ALVES GOBIRA

SOU ATLETICANO MAS ESTE TIME NÃO VAI GANHAR NADA ESTE ANO.
O LUGAR CERTO DO GALO É NA SÉRIE B DO BRASILEIRÃO E, MESMO ASSIM, PARA TER PROBLEMAS PARA FICAR NO G4

Aquiles Vieira

Legal Humberto “ATLETICANO”, volta pro seu túmulo sua Biba enrustida…

Paulo P.

Boa análise. Sensata. O Galo vai melhorar muito ainda.

Marcelo Bichara

co que veremos daqui pra frente mineiro,copa brasil e brasileirão,se esse tecnico e principalmente o preparador fisico porque o time só joga um tempo,segundo botam lingua pra fóra já é tempo mudar e exigir dos atletas mais seriedade,amor a camisa e aos torcedores respeito