Dembélé sofre nova lesão e web diz: “a gente já sabia”

Reprodução do Twitter

Reprodução do Twitter

Ousmane Dembélé chegou ao Barcelona em 2017, ano da saída de Neymar, com um currículo de lesões tão impressionante como seu talento. E segue cumprindo seu calvário no clube catalão.

Na tarde desta quarta-feira (27), ao deixar o campo contra o Borussia Dortmund mais uma vez machucado, a web não perdoou. Cornetou o técnico Ernesto Valverde por não deixá-lo no banco, já que tão certo como gol de Lionel Messi, é lesão do jovem francês.

O caso é tão sério que existe uma página dedicada ao seu histórico de contusões. A última vez foi em setembro, uma lesão muscular que o afastou de um jogo.

Só em 2019 foram cinco afastamentos, o mais grave durou 42 dias, em maio. Em setembro, nova lesão o tirou dos gramados por 32 dias. Em 2017, um problema na coxa fez o jogador se ausentar por quase quatro meses.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.