Galvão Bueno passa por cirurgia, não narra final da Libertadores e ganha apoio popular

Reprodução do Instagram / Galvão Bueno

Reprodução do Instagram / Galvão Bueno

Galvão Bueno já estava em Lima, no Peru, para narrar a final da Conmebol Libertadores, mas sentiu-se mal na manhã desta quinta-feira (21) e foi encaminhado ao Centro Médico de Miraflores, onde foi constatado que ele deverá passar por um cateterismo para desobstruir uma artéria coronariana.

Assim, a missão de contar a história do jogo ficará a cargo de Luis Roberto, que já está a caminho da capital peruana. O Grupo Globo divulgou um comunicado sobre o estado de saúde do profissional:

Nosso companheiro Galvão Bueno teve um mal-estar hoje de manhã em Lima, onde se encontra para a narração da final da Libertadores. Ele foi levado para exames na clínica Anglo-Americana, no bairro de Miraflores, acompanhado por sua mulher Desirée Galvão Bueno. Foi atendido prontamente e está sendo submetido a um cateterismo para desobstrução de uma artéria coronariana”, diz a nota. “Todos nós desejamos ao querido Galvão uma rápida recuperação. O hospital divulgará ao término do procedimento um boletim médico. A narração da final da Libertadores será feita pelo companheiro Luis Roberto”, completou o comunicado da emissora.

Flamenguista, Galvão é a voz mais emblemática da emissora em eventos internacionais, mas não narrou, por exemplo, o título do Atlético-MG na competição continental em 2013 contra o Olímpia. Na ocasião, Cléber Machado foi o titular da final.

Rapidamente, a hashtag #ForçaGalvão invadiu o Twitter desejando uma pronta recuperação ao narrador.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.