Viagem de Neymar irrita técnico do PSG: “Não sou seu pai”

PSG / Twitter

PSG / Twitter

Neymar foi visto em Madri acompanhando partidas da Copa Davis de tênis na quarta-feira, a convite do amigo Gerard Piqué. A viagem-relâmpago do brasileiro deixou insatisfeito o técnico do Paris Saint-Germain, Thomas Tuchel, que foi perguntado sobre o fato em entrevista coletiva nesta quinta.

“O que posso fazer? Não sou seu pai, não sou a polícia. Sou o técnico”, afirmou o treinador alemão. “Ele teve um bom treino ontem depois do voo. Como técnico, estou feliz com essa viagem? Não, claro que não, isso é claro. É hora de ficar bravo? Não, não é o momento”.

Tuchel ainda deixou claro que conta com Neymar para o jogo desta sexta-feira contra o Lille, pela Ligue 1.

“Ele foi muito profissional aqui por duas semanas, fez mais que os outros. Treinou com o time, fez trabalho individual. E se tudo for bem, ele pode jogar amanhã. Temos de decidir se ele começa jogando ou ficará no banco”, concluiu.

Prejudicado pelas lesões, Neymar fez apenas cinco partidas pelo PSG nesta temporada, com quatro gols marcados.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.