Sem Balotelli, mas com três novidades, Itália anuncia convocados

Brescia / Twitter

Brescia / Twitter

O técnico da seleção italiana, Roberto Mancini, convocou 29 jogadores para as últimas partidas das eliminatórias da Euro 2020. Entre eles não está Mario Balotelli, vítima de manifestações racistas na partida do Brescia contra o Verona, no último domingo.

O presidente da federação italiana (FIGC), Gabriele Gravina, havia declarado que gostaria de ver Balotelli de volta à seleção e que seria uma mensagem importante, mas que não interferiria nas escolhas do treinador. A última convocação do atacante foi em setembro de 2018.

Três jogadores foram chamados pela primeira vez: o ponta Riccardo Orsolini, do Bologna, o meio-campo Gaetano Castrovilli, da Fiorentina, e o zagueiro Andrea Cistana, do Brescia. Dois retornam: Rolando Mandragora, meia da Udinese, e Domenico Berardi, atacante do Sassuolo.

A Itália já está classificada para a Euro 2020 e tentará garantir um lugar como cabeça-de-chave. Os compromissos restantes são contra a Bósnia, dia 15, em Zenica, e a Armênia, dia 18, em Palermo.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.