Meia flagrado em cassino ganha nova chance na seleção inglesa

James Maddison / Twitter

James Maddison / Twitter

Após se envolver em polêmica na última data Fifa, o meia James Maddison terá uma nova chance de estrear pela seleção inglesa. Maddison, um dos destaques da boa campanha do Leicester na Premier League, foi um dos convocados pelo técnico Gareth Southgate para as partidas contra Montenegro e Kosovo, pelas eliminatórias da Euro 2020.

Em outubro, o jogador de 22 anos foi cortado antes da partida contra a República Tcheca por estar doente – mas, durante a partida, que a Inglaterra perdeu, foi fotografado em um cassino.

Southgate defendeu a nova convocação, sem deixar de criticar a postura de Maddison: “Nós o mandamos para casa, ele estava doente. Não era certo ele viajar com o grupo. Então, qualquer insinuação de que ele queria ir para casa é injusta. (Ir ao cassino) não foi uma grande decisão. Como jogador da Inglaterra, precisa ter um perfil diferente. Todos têm câmeras e podem faturar com as fotos. Nós o apoiamos, o convocamos, e ele tem de lutar por uma vaga como qualquer outro”.

A partida contra Montenegro, dia 14, em Wembley, marca a milésima aparição da seleção inglesa. Basta um empate para confirmar a classificação para a Eurocopa.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.